"E aqueles que pensam em Me procurar, saibam que a vossa busca e vosso anseio devem beneficiar-vos apenas se vós souberdes o Mistério; se o que vós procurardes, vós não achardes dentro de vós mesmos, então nunca encontrarão fora. Pois eu tenho estado convosco desde o Início e Eu Sou Aquela que é alcançada ao final do desejo"


terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

ASSIM COMO A CHUVA LAVA A TERRA AS LAGRIMAS DE ÍSIS LAVAM MEU CORAÇÃO

AS VEZES ,sinto dificulçdade em dizer o que penso eo que sinto as vezes tenho medo de que o que eu faço não mude nada nem ajude ninguem
mas ai eu olho para o céu luminoso e rezo a Deusa

mesmo agora não consigo dizer o que eu gostaria de dizer,sera que vc pode me compreender
é uma dor sem motivo
nao fui magoada nem machucada hoje mas sinto essa dor essa insatisfação desde que nasci
como se ainda nao tivesse concretizado todo o meu potencial
eu tenho muitos sonhos mas nao sei o que fazer com eles
a cda dia sinto que estoiu sendo afastada de um lindo caminho
uqe um dia alguem la encima traçou pra mim que estou indo em direção a uma vida plastica e vazia
sinto como ate hoje sinto saudade de ser mulher
sim eu fui mulher em minhas vidas passadas e vimj homem nesta nao sei porque
sinto saudade de ter um utero e sentir o processo genitor em mim
sinto saudade de poder me maquiar passar perfumes e sair na rua assim
mas mas doue tudo sinto saudade de ser beijada como uma mulher
e nao venham dizer que vim homem para aprender a lidar com meu lado masculino porque sei que não é essa a razão
naverdade lidar com o nosso lado masculinoquando se é um homem com lama de mulher é ainda mais dificil
pos pode parecer uma auto negação da essencia

gaia

4 comentários:

Anna Geralda Vervloet Paim disse...

Oi Gaia,teu blog está na lista dos meus favoritos,e gostaria de te dizer que não é preciso ter um corpo de mulher para ser mulher,tua alma é realmente feminina;não sei o motivo por que não nasceste em um corpo feminino,mas isto não te impede de se perfumar,usar maquiagem e se mostrar ao mundo.Tenha coragem,tenho certeza de que serás muito amada.Outra coisa,a maternidade não está somente no útero,é um sentimento da alma;doe amor a alguém,adote um animalzinho,e quem sabe mesmo uma criança.Que a Deusa te abençoe e te dê forças,sei que não deve ser fácil ter um corpo masculino e a alma de uma mulher,mas reverencie e agradeça por este corpo,pois através dele ganhaste o dom da vida,e a possibilidade de muitos aprendizados ao longo da tua jornada.Encha tua vida de sonhos,e mesmo que realizes apenas um,já terá valido a pena viver!
Parabéns pelo lindo blog,sempre aprendo mais a cada leitura nova
Bjus

Anônimo disse...

Que poderia eu dizer-lhe meu querido amigo, que o compreendo? Que sei bem a sua dor e sou mulher? E que ser mulher num corpo apesar da saudade e da dor de ser o/a outro que não somos serve às vezes de consolo lembrar que nós somos muito mais do que um sexo…muito mais do que ser homem ou mulher, bissexual ou homossexual…
Dizer-lhe que o compreendo é pouco, mas dizer-lhe que a Alma é dupla e não tem sexo, embora compreenda a sua ânsia de ser beijada como mulher…ou se fosse mulher e quisesse beijar outra mulher ou ser homem e querer beijar outro homem…
O que importa é o amor e O Amor não tem sexo, como diz Fernando Pessoa, o sexo no amor é um acidente…
O seu lado masculino deu expressão ao seu corpo mas a sua força é feminina por isso essa saudade no campo dos afectos e do prazer...viva com os seus dois lados, expresse o andrógino porque ele está mais perto do anjo que nos salva; é fácil dizer isto quando se é já "velha" como eu, mas você ainda tem a vertigem do sangue e o seu desejo era ser Mulher...vou-lhe mandar um poema de um poeta português...

volte quando poder e com mais força!

Nós esperamos por si...
um grande abraço

rleonor

Anônimo disse...

Eu queria ser mulher pra me poder estender
Ao lado dos meus amigos, nas banquetes dos cafés.
Eu queria ser mulher para poder estender
Pó de arroz pelo meu rosto, diante de todos, nos cafés.

Eu queria ser mulher pra não ter que pensar na vida
E conhecer muitos velhos a quem pedisse dinheiro -
Eu queria ser mulher para passaar o dia inteiro
A falar de modas e a fazer 'potins' - muito entretida.

Eu queria ser mulher para mexer nos meus seios
E aguçá-los ao espelho, antes de me deitar -
Eu queria ser mulher pra que me fossem bem estes enleios,
Que num homem, francamente, não se podem desculpar.

Eu queria ser mulher para ter muitos amantes
E enganá-los a todos - mesmo ao predilecto -
Como eu gostava de enganar o meu amante loiro, o mais
[esbelto,
Como um rapaz gordo e feio, de modos extravagantes...

Eu queria ser mulher para excitar quem me olhasse,
Eu queria ser mulher pra me poder recusar...


E MAIS ESTE...

Ah, que te esquecesses sempre das horas
Polindo as unhas -
A impaciente das morbidezas louras
Enquanto ao espelho te compunhas...



A da pulseira duvidosa
A dos anéis de jade e enganos -
A dissoluta, a perigosa
A desvirgada aos sete anos...

O teu passado, sigilo morto,
Tu própria quasi o olvidaras -
Em névoa absorto
Tão espessamente o enredaras.

A vagas horas, no entretanto,
Certo sorriso te assomaria
Que em vez de encanto,
Medo faria.

E em teu pescoço
- Mel e alabastro -
Sombrio punhasl deixara rasto
Num traço grosso.

A sonhadora arrependida
De que passados malefícios -
A mentirosa, a embebida
Em mil feitiços...

Mário Sá Carneiro

Gaia disse...

obrigado atodos por esta manifestação de cariho
que a deusa cure e cuide de vos